Follow by Email

30 de novembro de 2017

DOE APENAS R$ 20,00 - VINTE REAIS E GANHE ATÉ R$ 105.300,00 - LEIA O REGULAMENTO COM BASTANTE ATENÇÃO.

BLOG - Com Jornalismo Levado a Sério. - BISPO MAGALHÃES: DOE APENAS R$ 20,00 - VINTE REAIS E GANHE ATÉ R$ ...: INVISTA APENAS R$ 20,00. (GASTAMOS ESTE VALOR COM UM BOM LANCHE EM UMA BOA LANCHONETE). PORQUE NÃO TENTAR E INVESTIR E FAZER O SEU ...

DOE APENAS R$ 20,00 - VINTE REAIS E GANHE ATÉ R$ 105.300,00 - LEIA O REGULAMENTO COM BASTANTE ATENÇÃO.

INVISTA APENAS R$ 20,00.

(GASTAMOS ESTE VALOR COM UM BOM LANCHE EM UMA BOA LANCHONETE).
PORQUE NÃO TENTAR E INVESTIR E FAZER O SEU FUTURO.

ACREDITEEE!!!!

1º ESTÁGIO - VOCÊ DOA R$ 20,00.- RECEBI 3 DOAÇÕES DE R$ 20,00 - IGUAL A R$ 60,00.
2º ESTÁGIO - VOCÊ DOA R$ 40,00 - RECEBI 9 DOAÇÕES DE R$ 40,00 - IGUAL A R$ 360,00.
3º ESTÁGIO - VOCÊ DOA R$ 160,00 - RECEBI 27 DOAÇÕES DE R$ 160,00 - IGUAL A R$ 4.320,00.
Foto de Carlos Magalhães Magalhaes.4º ESTÁGIO - VOCÊ DOA R$ 1.300,00 - RECEBI 81 DOAÇÕES DE R$ 1.300,00 - IGUAL A R$ 105.300,00.
COM UM INVESTIMENTO DE APENAS R$ 20,00, VOCÊ PODERÁ GANHAR ATÉ R$ 105.300,00.
ACHO QUE LAVE APENAS TENTAR ESTA PEQUENA FORTUNA;
Foto de Carlos Magalhães Magalhaes.
LINK ÚNICO PARA SE CADASTRAR: 

PARA MAIORES EXPLICAÇÕES

PARA TIRAR QUALQUER DÚVIDAS:
84 - 98712.3951 - ZAP
84 - 99925.6868 - TIM


https://bispomagalhaes.blogspot.com.br/2017/11/o-que-pode-ser-uma-dor-no-peito-veja.html

BLOG - Com Jornalismo Levado a Sério. - BISPO MAGALHÃES: O QUE PODE SER UMA DOR NO PEITO - VEJA ABAIXO.: O que pode ser a dor no peito. A dor no peito nem sempre é sintoma de angina ou infarto, podendo estar relacionada com problemas r...

O QUE PODE SER UMA DOR NO PEITO - VEJA ABAIXO.

O que pode ser a dor no peito

O que pode ser a dor no peito.

A dor no peito nem sempre é sintoma de angina ou infarto, podendo estar relacionada com problemas respiratórios, excesso de gases, crises de ansiedade ou fadiga muscular, por exemplo. Assim, o mais importante é observar quando a dor surge, qual o seu tipo e se está acompanhada por outros sintomas, como febre ou náuseas.
Assim, a dor costuma ser preocupante quando piora ao realizar esforço, ou quando vem junto com falta de ar, enjôo ou suor frio, e costuma estar relacionada ao músculo quando dói ao se apalpar a região. Já as dores em fisgada são mais frequentes em casos de excesso de gases que provocam pontadas no peito, que desaparecem e voltam a surgir. Entenda como diferenciar o infarto de outros tipos de dor em sintomas de infarto.
Como existem muitas possibilidade para uma dor no peito, é importante ir ao hospital sempre que ela durar mais que 20 minutos para diminuir ou quando piora ao longo do tempo, especialmente quando surgem outros sintomas como tonturas, suores frios, dificuldade para respirar ou dor de cabeça intensa.
Listamos aqui, as diferenças entre as principais causas de dor no peito, para que seja possível identificar e saber o que fazer cada uma:

1. Excesso de gases

Esta é possivelmente a causa mais comum de dor na região do tórax e não está relacionada com problemas no coração, surgindo frequentemente em pessoas que sofrem com prisão de ventre. 
O acúmulo de gases no intestino pode empurrar alguns órgãos abdominais, acabando por criar uma dor que irradia para o peito.
Como identificar: geralmente é uma dor em pontada aguda que desaparece, mas que volta a surgir repetidamente, especialmente ao dobrar sobre a barriga para pegar algo do chão, por exemplo;.
O que fazer: uma boa estratégia consiste em fazer massagens na região do intestino para ajudar a empurrar os gases, mas também se pode adotar uma posição que facilite a eliminação dos gases. Veja como fazer:
Imagem ilustrativa do vídeo: Melhor posição para SOLTAR PUM

2. Ansiedade e estresse

A ansiedade, assim como o excesso de estresse provocam um aumento da tensão muscular nas costelas, além de aumentar os batimentos cardíacos. Esta combinação provoca uma sensação de dor no peito, que pode surgir mesmo quando a pessoa não se sente estressada, acontecendo mais comummente em quem está frequentemente estressado ou sofre de síndrome do pânico e ansiedade.
Como identificar: normalmente é acompanhado de outros sintomas como respiração rápida, excesso de transpiração, batimentos cardíacos acelerados, náuseas e, até, alterações no funcionamento do intestino.
O que fazer: tentar repousar em um local calmo, tomar um chá calmante, como valeriana, ou fazer alguma atividade de lazer, como ver um filme, jogar, ir na academia ou fazer jardinagem. Veja mais algumas dicas para acabar com a ansiedade e o estresse.

3. Dor muscular

As lesões musculares são muito comuns no dia-a-dia, principalmente em quem frequenta a academia ou faz algum tipo de esporte. 
No entanto, elas também podem acontecer após atividades mais simples como tossir muito ou pegar em objetos pesados. 
Além disso, durante situações de estresse ou medo, os músculos também podem ficar muito contraídos, resultando em inflamação e dor.
Como identificar: é uma dor que pode piorar ao respirar, mas que também é agravada ao rodar o tronco, para olhar para trás, por exemplo. Além de surgir após situações como as indicadas acima.
O que fazer: uma boa forma de aliviar a dor muscular é repousar e aplicar compressas mornas sobre a região dolorida. 
Também pode ajudar alongar os músculos do peito, colocando os dois braços esticados para trás e agarrando as mãos. 
O que pode ser a dor no peito

4. Refluxo gastroesofágico

Pessoas que sofrem com refluxo gastroesofágico e não fazem uma dieta adequada têm maiores chances de sentir dor no peito frequente, pois está relacionada com a inflamação do esôfago que acontece quando o ácido do estômago chega até às paredes do órgão. 
Quando isso acontece, além de intensa queimação, também é possível sentir dor no peito.
Como identificar: na maioria dos casos é uma dor no meio do peito que surge acompanhada de queimação e dor de estômago, no entanto, também pode surgir com uma ligeira sensação de aperto na garganta, que acontece devido aos espasmos do esôfago.
O que fazer: tomar um chá de camomila ou gengibre, pois melhoram a digestão e diminuem a acidez do estômago, reduzindo a inflamação do esôfago. 
Além disso, pode-se tomar um antiácido, como Gaviscon, Pepsamar ou sal de frutas Eno. Fora da crise deve-se manter uma dieta leve, sem alimentos gordurosos ou picantes, por exemplo.

5. Úlcera no estômago

A dor provocada pela presença de uma úlcera no estômago acontece devido à inflamação das paredes do órgão e pode ser facilmente confundida com uma dor no coração, devido à proximidade dos dois órgãos.
Como identificar: é uma dor localizada no meio do peito, mas que pode também irradiar para o lado direito, dependendo da localização da úlcera. 
Além disso, é mais comum após as refeições e pode ser acompanhada de sensação de estômago cheio, náuseas e vômitos.
O que fazer: deve-se consultar um gastroenterologista quando existe suspeita de úlcera no estômago para iniciar o tratamento adequado com protetores gástricos, como Omeprazol, e evitar complicações como a perfuração. No entanto, enquanto se espera pela consulta pode-se aliviar os sintomas com um suco de batata. 

6. Problemas na vesícula

A vesícula é um pequeno órgão que fica do lado direito do estômago e que pode ficar inflamada devido à presença de pedras ou consumo excessivo de gordura, por exemplo. 
Quando isso acontecer, surge uma dor do lado direito do peito que pode irradiar para o coração, parecendo um infarto.
Como identificar: afeta principalmente o lado direito do peito e piora depois de comer, especialmente após ingerir alimentos mais gordurosos, como fritos ou embutidos. 
Além disso também pode surgir com náuseas e sensação de estômago cheio. 
O que fazer: deve-se evitar comer alimentos gordurosos e beber bastante água. 
Confira mais algumas dicas de nutrição para acabar com as dores provocadas pela vesícula:
Imagem ilustrativa do vídeo: Alimentação para PEDRA na VESÍCULA

7. Problemas nos pulmões

Antes de ser um sintoma de problemas no coração, a dor no peito é mais comum em alterações que acontecem nos pulmões, como bronquite, asma ou infecção, por exemplo. 
Como uma parte do pulmão se localiza no tórax e por trás do coração, essa dor pode ser sentida como sendo cardíaca, embora não o seja.
Como identificar: é uma dor que pode surgir do lado direito ou esquerdo do peito, mas que piora ao respirar, especialmente ao inspirar fundo. Também pode surgir sensação de falta de ar, chiado ou tosse frequente.
O que fazer: deve-se consultar um pneumologista para identificar a causa específica da dor e iniciar o tratamento adequado.

8. Doenças do coração

As doenças no coração, como arritmia, insuficiência cardíaca, inflamação do músculo cardíaco ou doença coronária, normalmente, não apresentam dor no peito, sendo mais comum o surgimento de outros sintomas cansaço excessivo ou palpitações. 
No entanto, com exercício mais intenso, esse tipo de problemas pode causar dor.
Como identificar: é uma dor que não aparece estar sendo causada por nenhum dos motivos indicados anteriormente e que vem acompanha de outros sintomas como alterações do batimento cardíaco, palpitações, inchaço generalizado, cansaço excessivo e respiração acelerada, por exemplo. 
Entenda mais sobre os sintomas das doenças cardíacas.
O que fazer: deve-se consultar um cardiologista para fazer exames ao coração e identificar se existe alguma alteração que possa estar causando a dor, iniciando o tratamento adequado.

9. Infarto

O infarto, embora seja a primeira preocupação de quem sofre com uma dor no peito, normalmente é uma causa rara, sendo mais comum em pessoas com pressão alta descontrolada, colesterol muito elevado, idade superior a 45 anos ou fumantes.
Como identificar: é uma dor mais localizada no lado esquerdo do peito, em forma de aperto, que não melhora passado 20 minutos, podendo irradiar para um dos braços, ou mandíbula, causando uma sensação de formigamento.
O que fazer: é recomendado procurar um pronto-socorro para fazer exames ao coração, como eletrocardiograma e Raio-x de tórax, para identificar se há infarto, e iniciar o tratamento, como medicamentos para a circulação, caso seja necessário. 
O que pode ser a dor no peito

Quando ir ao médico

É importante procurar ajuda médica quando a dor no peito demora mais de 20 minutos para aliviar, especialmente quando surgem outros sintomas como:
  • Tonturas;
  • Suores frios; 
  • Dificuldade para respirar;
  • Dor de cabeça intensa.
Porém, em caso de doença cardiovascular, como pressão alta ou insuficiência cardíaca, deve-se tomar os remédios receitados pelo cardiologista e só ir ao hospital caso a dor não passe depois de 20 minutos ou ligar para o médico que o acompanha.


Mais sobre este assunto:

29 de novembro de 2017

CABELOS COM CRESCIMENTOS NATURALMENTE RECEITA COM ARROZ.

BLOG - Com Jornalismo Levado a Sério. - BISPO MAGALHÃES: CABELOS COM CRESCIMENTOS NATURALMENTE RECEITA COM ...: Como fazer o cabelo crescer com receita caseira feita com arroz.  Essa receitinha natural pode dar um up no crescimento do seu cabelo....

CABELOS COM CRESCIMENTOS NATURALMENTE RECEITA COM ARROZ.

Resultado de imagem para receita com arroz PARA CABELO CRESCER


Como fazer o cabelo crescer com receita caseira feita com arroz. Essa receitinha natural pode dar um up no crescimento do seu cabelo. Aprenda a fazer e arrase.


O arroz é um dos alimentos indispensáveis na culinária brasileira. 

Mas o melhor amigo e aliado dos nossos almoços diários pode ser o grande segredo de uma receita natural que faz os cabelos crescerem mais rápido, saudáveis e bonitos.

A receita caseira feita com arroz e outros ingredientes foi testada pelas blogueiras Mari Maria e Franciny Ehlke, que contaram que adoraram o resultado da hidratação feita com a mistura. 

“Eu achei que ficou super bonito o cabelo. Eu amei muito mesmo”, revelou Mari em seu próprio canal no YouTube.

Receita de leite de arroz para fazer o cabelo crescer

Essa receitinha promete favorecer o crescimento dos fios e agilizar o processo, tornando possível um cabelo gigante em um curto espaço de tempo.

Ingredientes

-3 claras de ovo;
-Arroz;
-Leite;
-Óleo de coco;
-Máscara de hidratação.

Como aplicar no cabelo

Comece aplicando óleo de coco por todo o seu cabelo, levando da raiz até as pontas. 

Espere alguns minutos e lave com shampoo.

Aplique a clara em neve no seu couro cabeludo e massageie por alguns minutos. Isso trará nutrição da raiz até as pontas do seu cabelo. 

Deixe a clara agir por até três minutos e enxague novamente.

Mistura com arroz, leite, clara de ovo e óleo de coco acelera o crescimento dos fios

Coloque um pouco de arroz em uma panela e vá lavando-o com leite. 

Pegue o líquido que caiu da peneira e aplique no cabelo, repetindo o procedimento do óleo de coco: da raiz até as pontas. 

Deixe agir por três minutos e enxague.
Aplique uma máscara de hidratar de sua preferência, que além de trazer hidratação para suas mechas, também ajudará a acelerar o processo de crescimento capilar.

Benefícios do leite de arroz para os cabelos

A misturinha feita com leite, arroz e óleo de coco ajuda na reparação das madeixas, hidrata, fortalece o fio, evita a queda capilar, desbotamento e faz o cabelo cresçer rapidamente.
O arroz é um alimento que ajuda no tratamento natural para a queda de cabelo e fortalecimento do fio graças às suas substâncias, como o ácido felúrico e orizanol, que funcionam como antioxidantes e protegem as madeixas da ação dos radicais livres.

Benefícios da clara de ovo para os cabelos

A neve da clara de ovo, também usada na receita caseira, contém enzimas que ajudam a remover a oleosidade excessiva do couro cabeludo, ajudando a limpar os fios.
A clara de ovo ainda é essencial na receita para garantir um brilho saudável e aparência jovem para os cabelos.

Benefícios do óleo de coco para os cabelos

Não é mais novidade para ninguém os inúmeros benefícios que o óleo de coco pode trazer para os cabelos. E quando aliado aos outros ingredientes da receita, o resultado é ainda mais eficaz e imediato.
O óleo de coco ajuda na reposição de lipídios e óleos naturais que são essenciais para a saúde capilar, repara o fio danificado, sela as escamas das madeixas, garante um maior brilho, contém propriedades antibacterianas e é uma rica fonte de inúmeros nutrientes.

Confira o vídeo do canal do YouTube da blogueira Mari Maria aqui embaixo:


MAIS UM ABUSO DESTES POLITICOS VAMOS PRESTAR MAIS ATENÇÃO EM NOSSOS VOTOS

BLOG - Com Jornalismo Levado a Sério. - BISPO MAGALHÃES: MAIS UM ABUSO DESTES POLITICOS VAMOS PRESTAR MAIS ...: Jatinhos Da FAB: Rodrigo Maia Gastou R$ 1 Milhão Em Viagens Para Casa: O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ),...

MAIS UM ABUSO DESTES POLITICOS VAMOS PRESTAR MAIS ATENÇÃO EM NOSSOS VOTOS

Resultado de imagem para rodrigo maia dep federal

Jatinhos Da FAB: Rodrigo Maia Gastou R$ 1 Milhão Em Viagens Para Casa:


O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), gastou cerca de R$ 1 milhão com a utilização de jatinhos da Força Aérea Brasileira (FAB) para se deslocar até a sua residência, no Rio de Janeiro, nos últimos 12 meses. Incluindo viagens a serviço para diversos estados e para o exterior, a despesa fica em R$ 1,7 milhão. 
A soma dos gastos dos presidentes da Câmara, Senado e Supremo Tribunal Federal (STF) com jatinhos ficou em R$ 3 milhões no período.
Decreto assinado pela presidente Dilma Rousseff em 2015, proibiu os ministros de Estado de usar aviões da FAB nas viagens para casa, nos finais de semana ou feriados, mas manteve a mordomia para os presidentes do Legislativo e do Judiciário. 
A justificativa do motivo da viagem é feita pela autoridade quando faz a solicitação da aeronave ao Comando da Aeronáutica.
Os deslocamentos são feitos em três tipos de aeronaves, todas bem espaçosas – o Legacy, com 15 lugares; o Embraer 135, para 37 passageiros; e o Embraer 145, que pode receber até 50 passageiros. Maia costuma reservar lugar para nove passageiros.
Nos trajetos para casa, os chefes de Poderes da União registram como deslocamento para a “residência” apenas o trecho de ida. 
O retorno a Brasília, depois do descanso no final de semana, é classificado como “serviço”. Só as viagens de ida para casa de Maia somaram 63.
Entre as viagens a serviço, Maia fez o percurso Brasília-São Paulo 24 vezes. Em apenas cinco dessas ocasiões, a agenda do presidente registra eventos na capital paulista. Nos demais dias, não há programação alguma registrada na agenda. 
Questionado sobre o motivo dessas viagens, Maia não se manifestou.
Os presidentes em exercício da Câmara também aproveitam a mordomia. Nos dias 17 e 18 de agosto deste ano, o deputado Rodrigo Maia cumpriu agenda no exterior, em Lima, no Peru. No final da tarde do dia 17, uma quinta-feira, o vice-presidente em exercício, Fábio Ramalho (PMDB-MG), partiu em outro jatinho para Governador Valadares. No dia seguinte, participou da Exponor em Teófilo Otoni. 
Depois, passou por Uberlândia e foi dormir em Belo Horizonte, tudo isso nas asas da FAB.
Senado e Supremo
A despesa do presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), com jatinhos é um pouco mais modesta. Os deslocamentos para casa custaram R$ 360 mil neste ano, considerando as viagens de ida e volta. O trajeto Brasília-Fortaleza foi feito 15 vezes. Incluindo as viagens a serviço, foram gastos R$ 543 mil.
A presidente do Supremo, Carmen Lúcia, gastou R$ 436 mil em 48 voos, todos a serviço. 
Em duas viagens realizadas para Belo Horizonte a serviço não havia agenda oficial. O gabinete da Presidência do STF informou que essas viagens foram realizadas por “motivos particulares”. 
Outras duas atenderam a compromissos oficiais junto ao Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG).
Maia leva seguranças
A Câmara dos Deputados afirmou à reportagem que o presidente da Casa utiliza os voos da FAB respeitando as normas do decreto presidencial nº 4.244/2002. “Pelo decreto, o presidente da Câmara tem o direito de viajar utilizando os aviões da FAB em viagens a serviço e a deslocamentos para seu local de residência permanente, no caso, Rio de Janeiro”, diz a nota.
Sobre a quantidade de passageiros nos voos, a Presidência da Câmara disse que solicita uma quantidade padrão de tripulantes, de acordo com a capacidade das aeronaves da FAB: 
“O presidente da Câmara sempre é acompanhado pela equipe de segurança da Câmara dos Deputados. 
Os nomes dos passageiros são informados para a FAB em todas as viagens que são realizadas”.
Custos reservados
A Aeronáutica afirmou que o transporte aéreo de autoridades em aeronaves da FAB segue o estabelecido pelos decretos n° 4.244/2002 e nº 8.432/2015. 
“As aeronaves podem ser solicitadas por motivo de segurança e emergência médica, viagens a serviço e deslocamentos para o local de residência permanente”, diz nota do Comando.
Sobre o motivo das viagens, esclareceu que “a autoridade solicitante informa a situação da viagem e a quantidade de pessoas que a acompanharão. 
Após a realização dos voos, as informações são transcritas no site da FAB exatamente como declarado pelo solicitante”.
A Aeronáutica acrescentou que “os custos operacionais das missões em aeronaves da FAB encontram-se classificados no grau de sigilo “Reservado”, pois são considerados estratégicos por envolverem aviões militares”.

Gastos Com Viagens

Viagens Dos Presidentes Da Câmara, Senado E STF Em Um Ano

ÓrgãohorasvoosCusto(em R$)
Câmara3342151,85 milhão
Senado14861821 mil
STF7948436 mil
Total5613243,11 milhões

Custo Das Viagens Por Autoridade

NomehorasvoosCusto(em R$)
Deputado Rodrigo Maia3162051,75 milhão
Senador Eunício Oliveira9844543 mil
Senador Renan Calheiros4815270 mil
Ministra Carmem Lúcia7948436 mil
Deputado Fábio Ramalho


SITES DO GRUPO BISPO MAGALHÃES: 


FACULDADE INTERNACIONAL EL SHADDAY:


BLOGS:

CANAL MAGALHÃES - VÍDEOS NO YOUTUBE:

EMPRESA DE JORNALISMO:


E-MAILS: 

WHATS’AAP
55 + 84 98712.3951

FONE:
TIM - 55 + 84 99925.6868
2012102 mil